As Últimas Piadas de 2016 do Blog do Gil

ind As Últimas Piadas de 2016 do Blog do Gil

Casamento no céu
O casal de noivos estava indo para o casamento na igreja quando morrem em um grave acidente de carro. Na entrada do céu, a noiva estava fula de raiva e protesta:
– Pô São Pedro, logo hoje que a gente ia casar, acontece uma coisa dessas.
– Milha filha, assim é a vida, isto é, a morte. – explica o porteiro do céu.
– Será que não tem jeito do senhor resolver a nossa situação – diz o noivo. – e fazer o nosso casamento aqui?
– Aguardem um pouco aí, deixa eu ver o que posso fazer.
Ele demora pra voltar… Duas horas depois, chega trazendo um padre com ele.
– Muito bem! Aqui tem um padre para fazer o casamento de vocês. Mas tem uma condição.
– Qual?
– Aqui não tem divórcio! O casamento vai ter de ser por toda a eternidade.
– Puxa, mas toda a eternidade é muito tempo! – reclama o noivo. – E se o nosso casamento não der certo?
– Azar o de vocês! Pra achar um padre aqui no céu já foi um custo, imagina um advogado!

O Novo Padre
Em Uruguaiana, cidade na divisa do Brasil e Argentina, num sábado, chegou o novo padre da única igreja da cidade. No domingo de manhã, a igreja ficou cheia para a missa. Argentinos, brasileiros, estava todo mundo lá. O novo padre começou o sermão:
– Irmãos… Estamos aqui hoje reunidos para falar dos fariseus… Aquele povo FILHO DA PUTA COMO ESTES ARGENTINOS QUE ESTÃO AQUI!
– Oh! – Constrangimento geral. Os argentinos saíram putos xingando o padre, deu a maior confusão. Acalmados os ânimos, o prefeito foi falar com o padre na sacristia:
– Padre, pega leve, os argentinos gastam nas lojas, nos restaurantes, trazem divisas para a cidade! Não faça mais isso! – O Padre concordou.
No domingo seguinte o padre começou o sermão:
– Irmãos, estamos aqui reunidos hoje para falar de uma pessoa. Uma pessoa muito importante: Maria Madalena, AQUELA RAMEIRA QUE TENTOU JESUS COMO ESTAS ARGENTINAS QUE ESTÃO AQUI!
Pancadaria na igreja. Várias pessoas no hospital! O prefeito foi falar de novo com o padre:
– Padre, o senhor não me disse que ia pegar leve? Pô, já era difícil o comércio nesta cidade, agora vai ficar pior ainda! Se o senhor não amansar, vou escrever uma carta ao bispo e pedir a sua retirada imediata! – O padre concordou.
Na manhã do domingo, o prefeito, precavido, entrou na sacristia com a Brigada Militar:
– Padre, pega leve senão o levo em cana!
A igreja estava lotada, não dava nem pra respirar. O Padre começa o sermão:
– Irmãos, estamos aqui reunidos hoje para falar do momento mais importante da vida de Cristo: a Santa Ceia!
O prefeito respirou aliviado. O padre continuou:
– Jesus, naquele momento, disse aos apóstolos: “Esta noite, um de vós irá me trair!”… Então, Paulo pergunta: “Mestre, serei eu?” E Jesus responde: “Não, Paulo, não será você.” No que Pedro pergunta: “Mestre, serei eu?” E Cristo responde: “Não, Pedro, não será você.” Então Judas pergunta: “Mestre, SOY YO?”

Entrevista de seleção
Um advogado que tinha acabado de se formar estava em uma entrevista de seleção para um trabalhar em um grande escritório de advocacia. O selecionador então lhe pergunta:
– Qual é o salário que o senhor deseja ganhar?
Após falar longamente sobre suas próprias virtude e capacidade, o jovem advogado, achando que estava “com tudo”, responde:
– Cerca de dez mil reais por mês, além dos benefícios. – e, na sequência, com uma postura altiva, retrucou:
– Você pode me dizer quais são os benefícios que a companhia da aos empregados?
– São alguns. – responde o selecionador – Entre eles: férias de seis semanas por ano, fundo de aposentadoria complementar, um Corolla novo a cada 2 anos, cartão de crédito, um clube privado, seguro saúde integral para você e os parentes, viagem aos Estados Unidos duas vezes por ano…
É quando o candidato interrompe:
– O senhor só pode estar brincando. Não é?
– É óbvio! Mas foi você quem começou!

O Genro
Um curioso estava à porta do cemitério quando viu entrar três caixões e, logo atrás, um tipo muito bem vestido com um cachecol de gesso ao pescoço.
Curioso como era, chegou perto do tipo e perguntou:
– Quem é o sujeito do primeiro caixão?
– Esse era o meu sogro, que Deus o tenha. Era podre de rico. Tinha milhões no banco e propriedades no interior.
– E no segundo caixão?
– A minha sogra, coitada. Herdou uma enorme fortuna da família. Já era muito rica antes de se casar.
– E no último?
– Era a minha mulher, que descanse em paz. Era filha única, herdeira única coitada, morreu…
– Ah, agora entendi. Tu também estava no carro quando se deu o desastre. Por isso está com isso no pescoço.
– Você está doido ou o quê? Deus me livre! Eu só mandei fazer esta merda para ver se consigo parar de rir!

Preconceito contra Gay? Eu!?
O doutor delegado encarregou o policial gayzinho de fazer uma compra de armas. Chegando na loja especializada, o gayzinho, que era visivelmente gayzinho, cheio de trejeitos, fala para o vendedor:
– Moço, você tem revolver calibre 38?
– Não! Aqui não temos nenhuma arma.
E escopeta calibre 12?
– Não! Eu já disse, aqui não temos nenhuma arma. – repete o vendedor.
O Gayzinho sai arrasado, pensando que o armeiro não quis fazer as vendas só por causa da sua visível opção sexual. Chegando à delegacia, vai reclamar ao Delegado, que é conhecido do pessoal lá da loja de armas. O doutor, então, resolve investigar a queixa do Gay. Vai até a loja e pergunta:
– Vocês têm revolver calibre 38?
– Doutor delegado, seja bem-vindo. Temos revolveres de todos os calibres – responde o vendedor e já começa a mostrar as armas no balcão.
O delegado começa a achar que a história do gayzinho é verdadeira e, para tirar a prova, pergunta:
– E escopeta calibre 12?
– Mas é claro, doutor! – responde o vendedor, pegando logo uma espingarda.
Aborrecido por ter constatado o preconceito para com um membro da força policial, gay, mas, ainda assim, policial; o delegado pergunta:
– Escute, você tem alguma coisa contra gays?
– Boa, doutor! Contra gay, bicha e transviado eu tenho metralhadora, granada. E até lança-chamas, se o senhor quiser, eu arrumo!

No paraíso
Um francês, um inglês e um brasileiro estão no museu do Louvre diante de um quadro de Adão e Eva. Diz o francês:
– Olhem como os dois são bonitos! Ela, alta e magra. Ele, másculo e bem cuidado… Devem ser franceses!
O inglês:
– Que nada! Vejam os olhos deles: frios, reservados… Só podem ser ingleses!
E o brasileiro:
– Discordo totalmente. Olhem bem… Não têm roupa, não têm casa, só possuem uma maçã para comer e ainda pensam que estão no paraíso. Só podem ser argentinos!

Argentinos sempre adorados!!
Um argentino, um sueco e um nigeriano aguardavam ansiosamente na maternidade o nascimento de seus filhos. Eis que surge a enfermeira e diz:
– Senhores, houve uma tremenda confusão. Os bebês foram trocados e não sabemos mais quem é quem. Só sei que temos dois brancos e um negro.
– Não tem problema – sugeriu o nigeriano. – Cada um escolhe um bebe e vamos fazer um sorteio para determinar a ordem da escolha.
Feito o sorteio, a primeira escolha coube ao sueco. Ele entrou no berçário, olhou para os bebês e saiu com o negro no colo.
– Ma bwana! – reclamou o nigeriano. – Você pegou a criança negra. Este obviamente é o meu bebê. Eu sou negro, minha esposa é negra. Me dá este bebê, volta lá e escolha um dos brancos.
E o sueco, já indo embora:
– Tá maluco? E se eu pego o argentino?

Quem aguenta?
Um avião caiu na floresta. Restaram apenas 3 sobreviventes. Um indiano, um judeu e um argentino. Caminhando entre as árvores da grande floresta, eles encontraram uma pequena casa e pediram para passar a noite. O dono da casa disse:
– Minha casa é muito pequena, posso acomodar somente 2 pessoas, 1 terá que dormir no curral.
O indiano respondeu:
– Eu dormirei no curral, sou indiano e hinduísta, necessito praticar o bem.
Após uns 30 minutos alguém bate na porta da casa. Era o indiano, que disse:
– Não posso ficar no curral, lá tem uma vaca, que é um animal sagrado, e eu não posso dormir junto a um animal sagrado.
Então o judeu respondeu:
– Eu dormirei no curral, somos um muito povo humilde e sem preconceitos.
Após uns 30 minutos alguém bate na porta da casa. Era o judeu, que disse:
– Não posso ficar no curral, lá tem um porco, que é um animal impuro, eu não posso dormir junto a um animal que não seja puro.
Então, o argentino, “muy putón de la vida”, aceitou dormir no curral.
Após uns 30 minutos batem na porta da casa.
Era a Vaca e o Porco…

O Brasileiro, o Argentino e o Gênio
Tinha um brasileiro e um argentino jogando bola na praia, quando de repente eles acham uma lâmpada mágica na praia. Então, o argentino esfrega a lâmpada e sai um gênio que diz:
– Vocês têm um desejo cada um.
Então o argentino pede:
– Gênio, como a Argentina é o melhor país do mundo, quero que você crie um muro bem alto e intransponível em volta dela, de modo que ninguém mais entra e sai.
– Então está feito. Agora o seu desejo – diz o gênio para o brasileiro.
Então ele responde:
– Gênio, esse muro é bem alto mesmo?
– É
– Bem forte?
– É
– Então, toca fogo.

Baianos No Exército
Dois baianos que eram primos vão servir o Exército. Chegando lá, são entrevistados pelo sargento:
– Qual o seu nome? – pergunta ao primeiro.
– É Tonho, meu rei.
– Negativo. De agora em diante, você será Antônio. E o que você está fazendo aqui?
– Tô dando um tempo.
– Negativo. Você está servindo à Pátria. E o que é aquilo? – pergunta, apontando para a Bandeira do Brasil.
– É a bandeira.
– Negativo! De agora em diante, ela é a sua Mãe.
Vira-se para o segundo e pergunta:
– Qual o seu nome?
– É Pedro.
– E o que você está fazendo aqui?
– Servindo à Pátria.
– E o que é aquilo (apontando para a bandeira)?
– É minha tia. Mãe de Tonho…

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios *

*

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Paste your AdWords Remarketing code here
%d blogueiros gostam disto: