Últimas do blog

O REFLEXO

Por Gil DePaula

reflexo jesus

Surpreendentemente, um dia desses qualquer ao olhar no espelho, enxerguei um menino que há muito não via, e que me devolvia o olhar, com uma curiosidade muito maior do que a minha.

Percebi que o jovem fixava-se em minhas rugas e em meus cabelos brancos, como a se perguntar como os adquiri, ou quando eles chegaram. A insistência do seu olhar denunciava o querer saber, que importância eles tiveram em minha vida, qual história estariam por trás daquelas marcas que já se faziam profundas em meu rosto, e se valia a pena possuí-las.

Eu, então, procurei saciar sua curiosidade e lhe disse; que cada ruga daquelas significava que eu havia vivido mais um ano até chegarmos aqui. Que cada sulco em meu rosto adquirido ao longo dos anos, significava que avançamos um degrau na direção do saber, da paciência e da tolerância. Que os cabelos grisalhos não denotavam simplesmente envelhecimento, mas o amadurecimento compulsivo que permite humanizarmos nossas ações, tomando atitudes mais corretas.

A expressão do jovem, revelava que ele não estava, ainda, satisfeito com minhas respostas, me levando a continuar; mas também sofremos perdas: amigos e parentes que se foram, projetos que ficaram pelo caminho, ideologias que esquecemos e a inocência que nunca mais iremos recuperar.

Também, lhe disse, continuamos a errar e aprender por toda nossa jornada.
Ele me perguntou se eu teria realizados seus sonhos. Eu lhe respondi que sonhos nunca acabam. Uns são esquecidos, outros se modificam e novos nascem.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios *

*

*

Paste your AdWords Remarketing code here
%d blogueiros gostam disto: