Senhora Sem Cor

Gil DePaula

Senhora-Sem-Cor Senhora Sem Cor

Senhora sem cor, a senhora sabe quem sou eu?
Senhora sem cor, a senhora conhece meus ancestrais?
Sabe se eu tenho pai, mãe, irmãos, tios, amigos?
A senhora sabe se ao levantar eu sorrio ou me lamento?
Sabe se andei descalço, dormi na rua ou se voei como um pássaro?

Senhora sem cor, eu não tenho pai, eu não tenho mãe
Senhora sem cor, eu não tenho cama, eu não tenho um país
Saiba: eu não tenho dinheiro, não tenho uma TV e nem um livro
A senhora saberá que eu não sorrio ou me lamento
Saiba, que meus pés estão feridos e minhas asas quebradas

Senhora sem cor, a minha alma não tem cor, apenas luz
Senhora sem cor, eu tive florestas e um navio negreiro
Saiba: eu me lamentei no tronco e dormi na terra
A senhora saberá que meus filhos são incontáveis
Saiba: eu sou apenas um lamento, que se transmuta no tempo

 

Livros de Gil DePaula - www.amazon.com.br > Digite Gil DePaula

Livros de Gil DePaula - www.amazon.com.br > Digite Gil DePaula

Livros-de-Gil-DePaula-horz-scaled Senhora Sem Cor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios *

*

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Paste your AdWords Remarketing code here
%d blogueiros gostam disto: